quarta-feira, fevereiro 07, 2007


Lembro-me de estar na nossa casa, que na altura ainda era a de Oeiras, a dos avós, sentada na cama do titio, debruçada na mesinha de cabeçeira dele. Na altura ele estudava no Técnico e eu passava as tardes a usar as costas das folhas cheias de cálculos para fazer desenhos. Ele na secretária, e eu na mesa de cabeceira.
Lembro de lhe perguntar quantos anos fazias e escrever no canto do desenho "Parabéns Mamã pelos 25 anos".
Tu foste mãe cedo, e eu aprendi a escrever antes do tempo por causa da Rua Sésamo.
E esta, no meio de tantas recordações, é a que mais me comove. Porque me faz perceber o tempo da nossa relação e quão fora de tempo eu vim...
Vou ser para sempre uma filha que veio antes do tempo. Vou sempre perguntar-me o que seria de ti se eu não tivesse acontecido e achar que teria sido melhor. Mas no fundo sei que fazias tudo outra vez. Por mim.
(estou lavada em lágrimas)
Dou-te muito mais valor do que aquilo que mostro, gosto muito mais de ti do que te digo, sou tua fã incondicional e colecciono os teus sorrisos no meu coração.
Somos uma confusão de mãe-filha e de filha-mãe, somos iguais no mesmo e tão diferentes em tudo o resto... mas somos nós assim mesmo




Parabéns Mamã

7 comentários:

Scratchy disse...

aprender a escrever por causa da rua sésamo? essa tá boa.. ;)

eu também aprendi, mas foi com a caderneta de cromos do México 86... :) a ler e a escrever!

belo último parágrafo. parabéns à tua mãe! *

Fmshark disse...

Eu vlu mais longe, belo post

Parabéns á tua mãe e a ti!!

Francis disse...

parabens á mae.

eu que estudei em oeiras a vida quase toda e pela tua idade ainda andei na escola com ela.

Isabel Paixão disse...

Muitos parabéns às duas.

B.A.B.E. disse...

obrigada por ela ;)

Sila disse...

Touching! Não há ali no título do blog qualquer coisa mal (tirando o "u" do foudasse que parece propositado)?
Mau, muito mau

Headache disse...

Parabéns senhora mãe da Mónica!