quinta-feira, abril 26, 2007

Alto e pára o Bairro

Ta tudo louco, tresloucado, demente.



Ontem, 3ª feira véspera de feriado, já estava tudo planeado.
A boa da Flipa sai da LAS já às 23h e pouco, toda contente e animada, mais a Carina e o Castanheira (cada um em seu carro porque tinha de ser) e la vai ela toda lampeira em pó ao Bairro alto.
Objectivo: comer um caldinho verde nas Primas e ir em direcção ao Bedroom ver o Sir Piñacolada.
Eis senão quando, ao me aproximar das imediações, o caldo entornou, o quarto sujou, e o cocktail acabou!

Em 3 palavras:
Im
Po
Ssível!





O Bairro Alto (e vou chamar bairro alto ao Chiado, Largo Camões, Largo da Trindade, Largo do Carmo, Rua do Alecrim, Calçado do Combro, Principe Real e afins) parecia os corredores do Colombo, numa tarde de inverno a um domingo de jogo na Luz!

Qlq coisa se estava a passar ali e não entendi bem.

Para além da bófia que ha 3 fins de semana que não desampara a loja nem faz andar nem desandar o transito, o Largo Camões estava relvado! Sim, não era um tapete verde, era relva relvinha verdadeirinha, molhadinha. Com umas ´soas la em cima a cantar e a tocar bombos e concertinas e…
E circulavam magotes de gente plas ruas, e havia filas paradas com 10 e 15 minutos de espera, e carros a serem rebocados, e…
E agora já não se pode fazer fila pa entrar nos Parques de estacionamento?
Mas que raio de merda é esta?
No tempo em que a menina bófia não metia o bedelho, todo corria melhor, tudo acontecia e nada de grave se passava. Fazia-se uma fila que quase dava a volta ao largo, mas as pessoas quando viam que aquilo se estava a tornar insustentável, acabavam por circular, e todo o transito corriam graças à selecção natural… Da mesma forma que quando há muita gente nas ruas temos a capacidade de não ir contra elas…assim se passava com o transito ali. Mas não, a bófia tinha de mostrar serviço. E como não deve andar com muita vontade de ficar à beira de Estradas Nacionais, então agora enfia-se nos Largos Municpais com os seus carros da brigada e carrinhas blindadas e o raio que os parta.

Conclusão, NÃO, não consegui ficar no Bairro nem comer caldo verde, nem ir ao bedroom nem nada do que tinha planeado!
Isto adicionado à bela notícia de última hora que foi: temos uma urgência, a arte final desta imprensa tem de estar pronta 5ª feira durante o dia! - Ok, então trabalhos amanhã - dissemos nós as 18h, referindo.nos ao nosso rico dia feriado! Fiquei KO!

E graças à liberdade de expressão que este feriado que não pude gozar, me dou, digo: FODASSE!
Nem pude sair, nem fazer o que me apetecia, nem ficar até tarde, nem dormir muito e não fazer nada o dia todo.

Acabámos no Lounge em boa companhia e a entornar jolas e a comer tostas mistas. Não reclamo do plano B, mas raios, será que nunca consigo levar um plano A até ao fim?


E agora vou dormir que se faz tarde. Tardíssimo!
E acabei de falar ca amora e corroí-me de inveja e de saudades e de dor, enquanto ela me escrevia de terras de Vera Cruz.
Vou fechar os olhos e sonhar a verde amarelo e azul. Um sonho quentinho e luminoso.
Até amnhã!

7 comentários:

RP disse...

Esqueces-te que a função pública, os filhos dos "públicos" e muitos privados já receberam o ordenado (ou mesada...) na conta bancária. E assim se enche o Bairro e se faz a caça à multa.

Lounge? Hoje em dia tudo é Lounge, ou Loft, ou tema e variações sobre os mesmo... bah!

Headache disse...

Andar sem planos até é melhor, não é?

Francis disse...

fraquinho pá...post ás 00h55m, não é justo, assim uma mulher não consegue pá.

sebast disse...

sois azuis, ceuz cinzentos corações para fora, relvas verdes num tapete em que se pretende criar a arte do encontro alinhas?

B.I.T.C.H. disse...

RP: sim, até a mim me irrita e sou fã de pelo menos 2 que são indiscutivelmente bons! Que fazer...afinal nem todos tivemos a sorte dos nossos pais terem bom gosto!

Headache:... é capaz de ser. Não sei bem!

Francis: O post foi começado à 00h55...acabado bem mais tarde. E eu diria antes: fortinho pah, fortinho!

Sebast: Welcome. and...who r u, estranho que propõe cruzar linhas?

RP disse...

Porque o bom gosto, cara B.I.T.C.H., educa-se.

A diferença está no facto de certas pessoas conseguirem, ou não, ter consciência disso. E, mais ainda, fazerem algo por isso.

Loft, para mim, há um. Aos sábados.

Samuel F disse...

Tive no bairro nessa noite e fui multado. Já tá rasgada. Gostei do estilo do blogue.