sexta-feira, março 14, 2008

Hás coisas que me fodem grandemente

Como perguntarem-me como estou e depois não ouvirem a resposta.

Têm noção do que me custa desabafar?

Fodasse, se aquilo que eu vou dizer não vos interessa minimamente, não perguntem.

Calem-se e deixem-me estar.


Isto não é nenhum elevador, nem eu tou com paciência para simpatias de conveniência.


5 comentários:

Abssinto disse...

Penso igualzinho, moça.

Francis disse...

tiraste-me as palavras da boca...

Erg disse...

Vai lá, vai..

tem calma..

Cheguevara disse...

É assim mesmo, sempre a aviar cartucho!

Liliana disse...

Nunca ninguém expressou tão bem o que eu penso bastantes vezes, mas não tenho coragem de "gritar".

Posso copiar?

Bjs**